domingo, 29 de agosto de 2010

Pensamentos Aleatórios: 29/08/2010


Quantos sentimentos em um só ser. . . Ainda não encontrei a resposta para uma pergunta que me faço diariamente ha algum tempo: Pra que tanto amor no peito? Sinto como se estivesse para explodir, mas ao mesmo tempo sinto um vazio indescritível. . . A convivência com essa dualidade tem sido arduamente dificil. É tanto apego (em tão pouco tempo), são tantos desejos, tantas duvidas. O esperar já não é o bastante, e o ariscar não parece seguro. Não sei se penso no que sinto ou se sinto sem pensar. Uma coisa é certa: Estou cheio desse vazio!


*BRUNO* -To Whom it may Concern

Pluto

Pluto -Björk (Tradução)


Plutão

video


Com licença
Mas vou ter que
Explodir
Explodir esse corpo
Me desligar

Eu ficarei novinho em folha
Novinho amanhã
Um pouco cansado
Mas novinho em folha.



*HIGEKI*

sábado, 7 de agosto de 2010

Pensamentos Aleatórios . . . (07-08-2010)


O tempo tem corrido nesses ultimos dias... tenho feito tantas coisas, mas ao mesmo tempo parece que não tenho feito nada. Vim conquistando algumas coisas diariamente, mas parece que não tenho nada. Sempre falta algo. Bom... no fundo eu sinto que é necessario passar por tudo isso, sintir tudo isso, viver tudo isso. Se não, não teria graça, eu não teria motivos pra seguir em frente, não teria o que almejar. Enfim, há muito mais por vir. . . então que venha!

*BRUNO* -To Whom it may Concern

Lullaby


Deixe- me no chão...
está confortável aqui.
Reze por mim.
Cante nossa canção,
enquanto eu adormeço devagar.

Cante para mim...
Cante e eu descansarei em paz.
Me embale e não olhe para traz.
Me aqueça com teu manto até o fim.

Eu devo estar sonhando agora.
Estou em paz ao teu lado.
Não sei porque chora...
Estou partindo, mas te espero do outro lado.

Cante para mim...
Eu quero dormir e sumir.
Eu não quero acordar e não te encontrar.
Eu vou, mas te espero.
Então, cante e alivie minha dor.
Pois eu não quero acordar e não te encontrar.

Eu só quero dormir e sumir.

Eu devo estar... sonhando.
Me embale e me cubra com teu manto.
Faça-me dormir com teu doce canto.
Eu vou, mas te espero do outro lado.
Cante para mim... e não olhe para traz.
Cante e eu voarei em paz.


*BRUNO* -To Whom it may Concern